O que é um storyboard ?


O storyboard em sua essência é basicamente um guia visual narrando as principais cenas de uma obra audiovisual. Os storyboards no geral são desenhos rápidos e com poucos detalhes, sendo o mais objetivo possível. Audiovisual é puro movimento, o storyboard é a chave de ignição deste movimento que é traçado por linhas e gestos no papel.

O principal objetivo é transpor as cenas do roteiro para quadros dinâmicos e de fácil visualização. Os desenhos por mais simples que sejam auxiliam a visualizar toda a dinâmica de movimento de câmera ao posicionamento de atores. Ou seja o storyboard é como um mapa que auxilia desde o diretor, atores ao diretor de fotografia.

O storyboard é utilizado em qualquer mídia audiovisual como filmes, animações 2D ou 3D, videogames, seriados, novelas, comerciais, videoclipes e até em propaganda política. Os storyboards até podem ser utilizados no teatro para o diretor da peça compreender melhor o cenário como também o posicionamento dos atores no palco.

Quem faz os storyboards ?

No geral conhecido como artista de storyboard este profissional em certo ponto pode ser considerado um quadrinista ou ilustrador pois precisa interpretar um texto extraindo elementos chave da narrativa. A criação de storyboards exige o conhecimento dos quadrinhos, linhas de ação, uso de perspectiva, desenho de objetos e cenários, expressões faciais como também saber desenhar pessoas em movimento. Ou seja este profissional precisa ter um amplo domínio do desenho, pois durante o processo de criação existe muito pouco ou até nenhum tempo de pesquisa de referências.

Outro conhecimento fundamental é dos termos técnicos utilizados no cinema como PAN, POV, ZOOM e etc. Como tem pouco tempo para compor as cenas, o artista de storyboard precisa ser preciso e ágil pois o diretor e toda equipe dependem do storyboard pronto para iniciar as filmagens.

Materiais utilizados

Os materiais básicos são ferramentas para desenho como papel, lápis e caneta nanquim ou seja materiais tradicionais e simples. 

Alguns artistas preferem trabalhar de maneira tradicional, o que é uma escolha pessoal, eles poderiam facilmente utilizar o computador com uma mesa digitalizadora para criação, o resultado final seria o mesmo.

Isso implica que independente da ferramenta o storyboard terá uma imagem própria, esta imagem está mais associada a de um rascunho bem diferente de uma ilustração que é refinada e possui o estilo pessoal do autor. Ou seja o storyboard deve possuir um estilo neutro sendo objetivo e fiel a cena narrada no roteiro, por isso a escolha de materiais simples como o lápis e caneta.

Atores no mesmo cenário

Os atores podem se beneficiar muito de um storybord pois ao ler o roteiro o ator imagina o cenário e suas locações, objetos e etc. Porém como cada ator tem sua maneira de ver o mundo a interpretação de cenário do roteiro pode variar bastante. Assim storyboard vem como elemento para situar todos os atores na mesma cena ou seja no mesmo universo que se passa a obra audiovisual.

O storyboard também permite o ator planejar sua atuação com mais cuidado pois ao visualizar seu personagem inserido no storyboard o ator irá ter uma noção espacial do tamanho do cenário e objetos de cena que irá interagir.

Auxiliar um roteiro

Vamos supor que determinada cena de um roteiro envolva explosões e carros em alta velocidade. Uma cena desta complexidade é muito difícil e cara para ser filmada. Em muitos casos um roteiro pode não sair do papel por causa de uma cena destas. Uma opção é o roteirista simplificar o roteiro limando sua criatividade.

Outra opção é o artista de storyboard analisar o roteiro e explorar os ângulos de câmera afim de buscar o ângulo mais prático e barato de ser filmado. Esta análise preserva a ideia original do roteirista tornando a cena que antes era impraticável aos olhos do produtor em uma cena possível de ser filmada dentro do orçamento da produção.

Apontando para o ângulo certo.

Um dos diferenciais de um artista de storyboard para outro e na criação ângulos incríveis para as cenas do roteiro. Ou seja fazer o diretor e toda a equipe olhar para o storyboard e falar “É isso que eu quero”. Se o artista de storyboard conseguir esta declaração do diretor seu trabalho esta mais do que realizado.

É claro que isso nem sempre é possível, já que o cenário e os personagens no storyboard podem variar muito em comparação com as locações das filmagens e perfil dos atores. Porém o ângulo certo faz toda diferença, pois insere o cenário como personagem, valoriza as emoções dos atores como também acrescenta dinamismo na cena.

Vale ressaltar que o diretor de fotografia não precisa seguir a risca cada quadro do storyboard, porém o ângulo definido pelo artista de storyboard faz uma cena ganhar vida e destaque, facilitando a vida de todos no set de filmagem.

Um quadro de emoções

Ao apreciar um quadro podemos visualizar todos seus detalhes e significados, o storyboard permite ver cada cena como um quadro específico, assim cada cena do roteiro é tratada como um quadro com seu ritmo, composição e cores próprias.

A principal vantagem de um storyboard colorido é na atmosfera de cena, as cores servem como fonte de emoção dos sentimentos de um personagem ou do cenário que o mesmo está inserido. Por exemplo uma cena em que personagem está triste as cores do ambiente possivelmente serão tons frios como o azul ou cinza. Agora imagine o mesmo storyboard em preto e branco, toda a informação sobre os sentimentos do personagem será perdida.

Outra vantagem de um storyboard colorido são as referências, por exemplo o diretor de fotografia com um storyboard colorido em mãos poderá utilizar os quadros coloridos como referência e comparação auxiliando a planejar cuidadosamente sua fotografia no set de filmagem.

Um detalhe importante é que nem sempre é possível fazer um storyboard colorido, como o tempo é curto o artista de storyboard deve se preocupar com a narrativa, ângulos de câmera e etc. Geralmente os storyboards coloridos são utilizados na área de publicidade pois os comercias são curtos permitindo ao artista de storyboard se dedicar no estudo das cores.

12 comentários:

  1. Quanto tempo leva para fazer um storyboard?

    ResponderExcluir
  2. Olá !

    Olha depende da complexidade do roteiro. Pode levar de 2 a 8 horas por página.

    ResponderExcluir
  3. Estou com uma dúvida A duração de aproximadamente de 30 segundos girando em média de 04 a 10 planos que pode variar de acordo com o ritmo da configuração estética escolhida é FILME PUBLICITÁRIO OU STORYBOARD?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá !

      Storyboard é a sequencia gráfica idealizada para a obra áudio visual, já filme publicitário é qualquer obra áudio visual que vise vender uma ideia ou produto. Acredito que a duração não interfira no conceito.

      Excluir
  4. Olá, tudo bem? Preciso de um contato de algum profissional que faça storyboard. Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá !

      Se puder enviar os detalhe sobre o que precisa para o e-mail:

      robertothot@gmail.com

      Excluir
  5. Oi! Um storyboard serve pra criação de mangá né?!
    ???

    ResponderExcluir
  6. Olá !

    Em partes sim, neste caso serviria como rascunho para auxiliar o autor na narrativa que desenha contar. O autor não usaria o storyboard como produto final (até poderia) mas sim um meio para chegar em um objetivo.

    ResponderExcluir