O que é um storyboard ?


O storyboard em sua essência é basicamente um guia visual narrando as principais cenas de uma obra audiovisual. Os storyboards no geral são desenhos rápidos e com poucos detalhes, sendo o mais objetivo possível. Audiovisual é puro movimento, o storyboard é a chave de ignição deste movimento que é traçado por linhas e gestos no papel.

O principal objetivo é transpor as cenas do roteiro para quadros dinâmicos e de fácil visualização. Os desenhos por mais simples que sejam auxiliam a visualizar toda a dinâmica de movimento de câmera ao posicionamento de atores. Ou seja o storyboard é como um mapa que auxilia desde o diretor, atores ao diretor de fotografia.

O storyboard é utilizado em qualquer mídia audiovisual como filmes, animações 2D ou 3D, videogames, seriados, novelas, comerciais, videoclipes e até em propaganda política. Os storyboards até podem ser utilizados no teatro para o diretor da peça compreender melhor o cenário como também o posicionamento dos atores no palco.

Quem faz os storyboards ?

No geral conhecido como artista de storyboard este profissional em certo ponto pode ser considerado um quadrinista ou ilustrador pois precisa interpretar um texto extraindo elementos chave da narrativa. A criação de storyboards exige o conhecimento dos quadrinhos, linhas de ação, uso de perspectiva, desenho de objetos e cenários, expressões faciais como também saber desenhar pessoas em movimento. Ou seja este profissional precisa ter um amplo domínio do desenho, pois durante o processo de criação existe muito pouco ou até nenhum tempo de pesquisa de referências.

Outro conhecimento fundamental é dos termos técnicos utilizados no cinema como PAN, POV, ZOOM e etc. Como tem pouco tempo para compor as cenas, o artista de storyboard precisa ser preciso e ágil pois o diretor e toda equipe dependem do storyboard pronto para iniciar as filmagens.

Materiais utilizados

Os materiais básicos são ferramentas para desenho como papel, lápis e caneta nanquim ou seja materiais tradicionais e simples. 

Alguns artistas preferem trabalhar de maneira tradicional, o que é uma escolha pessoal, eles poderiam facilmente utilizar o computador com uma mesa digitalizadora para criação, o resultado final seria o mesmo.

Isso implica que independente da ferramenta o storyboard terá uma imagem própria, esta imagem está mais associada a de um rascunho bem diferente de uma ilustração que é refinada e possui o estilo pessoal do autor. Ou seja o storyboard deve possuir um estilo neutro sendo objetivo e fiel a cena narrada no roteiro, por isso a escolha de materiais simples como o lápis e caneta.

Atores no mesmo cenário

Os atores podem se beneficiar muito de um storybord pois ao ler o roteiro o ator imagina o cenário e suas locações, objetos e etc. Porém como cada ator tem sua maneira de ver o mundo a interpretação de cenário do roteiro pode variar bastante. Assim storyboard vem como elemento para situar todos os atores na mesma cena ou seja no mesmo universo que se passa a obra audiovisual.

O storyboard também permite o ator planejar sua atuação com mais cuidado pois ao visualizar seu personagem inserido no storyboard o ator irá ter uma noção espacial do tamanho do cenário e objetos de cena que irá interagir.

Auxiliar um roteiro

Vamos supor que determinada cena de um roteiro envolva explosões e carros em alta velocidade. Uma cena desta complexidade é muito difícil e cara para ser filmada. Em muitos casos um roteiro pode não sair do papel por causa de uma cena destas. Uma opção é o roteirista simplificar o roteiro limando sua criatividade.

Outra opção é o artista de storyboard analisar o roteiro e explorar os ângulos de câmera afim de buscar o ângulo mais prático e barato de ser filmado. Esta análise preserva a ideia original do roteirista tornando a cena que antes era impraticável aos olhos do produtor em uma cena possível de ser filmada dentro do orçamento da produção.

Apontando para o ângulo certo.

Um dos diferenciais de um artista de storyboard para outro e na criação ângulos incríveis para as cenas do roteiro. Ou seja fazer o diretor e toda a equipe olhar para o storyboard e falar “É isso que eu quero”. Se o artista de storyboard conseguir esta declaração do diretor seu trabalho esta mais do que realizado.

É claro que isso nem sempre é possível, já que o cenário e os personagens no storyboard podem variar muito em comparação com as locações das filmagens e perfil dos atores. Porém o ângulo certo faz toda diferença, pois insere o cenário como personagem, valoriza as emoções dos atores como também acrescenta dinamismo na cena.

Vale ressaltar que o diretor de fotografia não precisa seguir a risca cada quadro do storyboard, porém o ângulo definido pelo artista de storyboard faz uma cena ganhar vida e destaque, facilitando a vida de todos no set de filmagem.

Um quadro de emoções

Ao apreciar um quadro podemos visualizar todos seus detalhes e significados, o storyboard permite ver cada cena como um quadro específico, assim cada cena do roteiro é tratada como um quadro com seu ritmo, composição e cores próprias.

A principal vantagem de um storyboard colorido é na atmosfera de cena, as cores servem como fonte de emoção dos sentimentos de um personagem ou do cenário que o mesmo está inserido. Por exemplo uma cena em que personagem está triste as cores do ambiente possivelmente serão tons frios como o azul ou cinza. Agora imagine o mesmo storyboard em preto e branco, toda a informação sobre os sentimentos do personagem será perdida.

Outra vantagem de um storyboard colorido são as referências, por exemplo o diretor de fotografia com um storyboard colorido em mãos poderá utilizar os quadros coloridos como referência e comparação auxiliando a planejar cuidadosamente sua fotografia no set de filmagem.

Um detalhe importante é que nem sempre é possível fazer um storyboard colorido, como o tempo é curto o artista de storyboard deve se preocupar com a narrativa, ângulos de câmera e etc. Geralmente os storyboards coloridos são utilizados na área de publicidade pois os comercias são curtos permitindo ao artista de storyboard se dedicar no estudo das cores.

18 comentários:

  1. Quanto tempo leva para fazer um storyboard?

    ResponderExcluir
  2. Olá !

    Olha depende da complexidade do roteiro. Pode levar de 2 a 8 horas por página.

    ResponderExcluir
  3. Estou com uma dúvida A duração de aproximadamente de 30 segundos girando em média de 04 a 10 planos que pode variar de acordo com o ritmo da configuração estética escolhida é FILME PUBLICITÁRIO OU STORYBOARD?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá !

      Storyboard é a sequencia gráfica idealizada para a obra áudio visual, já filme publicitário é qualquer obra áudio visual que vise vender uma ideia ou produto. Acredito que a duração não interfira no conceito.

      Excluir
  4. Olá, tudo bem? Preciso de um contato de algum profissional que faça storyboard. Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá !

      Se puder enviar os detalhe sobre o que precisa para o e-mail:

      robertothot@gmail.com

      Excluir
  5. Oi! Um storyboard serve pra criação de mangá né?!
    ???

    ResponderExcluir
  6. Olá !

    Em partes sim, neste caso serviria como rascunho para auxiliar o autor na narrativa que desenha contar. O autor não usaria o storyboard como produto final (até poderia) mas sim um meio para chegar em um objetivo.

    ResponderExcluir
  7. Olá Roberto tudo bem ? Minha dúvida é a seguinte: Se tratando do mercado publicitário, um artista que faz storyboard faz somente isso ou ele é encarregado de outras coisas na empresa ?

    ResponderExcluir
  8. Olá Will !

    Bom hoje em dia um profissional que faz storyboard é um ilustrador. Vejo que somente nas produções do cinema americano que existem profissionais que fazem somente uma tarefa. Aqui no Brasil pode ter até mas são poucos.

    ResponderExcluir
  9. Olá Paulo

    Então toda narrativa audiovisual se beneficia de um storyboard, agora como o fluxo de produção de uma novela é diário creio não utilizarem storyboards para composição das cenas.

    ResponderExcluir